Movimento Esquerda Socialista (MES/PSOL) MES MES: Movimento Esquerda Socialista

Mulheres do PSOL organizam seminário em defesa da auto-organização

A conjuntura exige nossa organização para enfrentar os desafios e nos preparar para as lutas.
O ano de 2015 está marcado pelo contexto de crise no Brasil. Os governos querem retirar direitos da população ao invés de inverter a lógica econômica e política que nos levou para a situação atual. Nesta conjuntura, as mulheres são extremamente afetadas. O projeto da terceirização (PL 4330) precariza ainda mais as relações de trabalho. Em nome do ajuste fiscal foram aprovadas as MPs 665 e 664, esta última muda a regra das pensões, atingindo diretamente as mulheres. Soma-se a isso, uma bancada fundamentalista, liderada pelo presidente da Câmara Eduardo Cunha, que quer aprovar o estatuto da família e do nascituro. Colocando para nós a necessidade de reafirmar a importância da legalização do aborto.

Ao mesmo tempo, vemos os movimentos se articulando. Greves na educação, nas fábricas e uma explosão de ocupações tanto no campo e na cidade, mostrando que há alternativa. No feminismo, uma nova geração de ativistas se forma. No âmbito partidário, nos saímos mais fortes depois das eleições de 2014, no qual diversas companheiras tiveram campanhas expressivas, em especial a companheira Luciana Genro que se postulou como uma figura importante do feminismo em nível nacional, aproximando diversos setores do movimento.

Neste sentido, é importantíssima a construção de um campo de lutas, também no movimento feminista que enfrente essa conjuntura. No qual as mulheres do PSOL sejam protagonistas em todas as frentes de atuação, contribuindo com o fortalecimento do feminismo no país. Que não só responda a esta retirada de direitos, mas avance nas lutas. Além disso, é fundamental o estreitamento das relações com nossos aliados como figuras públicas do partido, lideranças e movimentos sociais.

Infelizmente, na contramão deste processo, na ultima reunião do Diretório Nacional do PSOL, realizado em meados de maio deste ano, as mulheres do Partido sofreram uma grave derrota. Por uma diferença de apenas um voto, foi aprovada a intervenção no setorial que desrespeitou nosso acumulo coletivo. Primávamos pelo respeito às diferentes opiniões e, na pluralidade, construímos nossa historia a muitas mãos.

Como decidimos por não legitimar a intervenção do DN, precisamos de um espaço de reflexão e mobilização das feministas que defendem a manutenção da pluralidade no setorial. A conjuntura exige nossa organização para enfrentar os desafios e nos preparar para as lutas. Para tanto, realizaremos, na Cidade do Rio de Janeiro, um seminário nacional auto-organizado das mulheres do PSOL. O ato político de abertura contara com um debate cujo tema será “A luta feminista em contexto de crise: nenhum direito a menos”, no dia 31 de julho de 2015, das 18h30 às 22h.

No dia seguinte, em espaço auto-organizado das mulheres, debateremos os desafios da agenda feminista e nossa organização no Partido.

Na certeza de contarmos com sua presença, enviamos as nossas

Saudações feministas,

Mulheres das organizações:
1º de maio;
Ação Popular Socialista (APS);
Corrente Socialista dos Trabalhadores (CST);
Insurgência;
Liberdade, Socialismo e Revolução (LSR);
Movimento Esquerda Socialista (MES);
Rosa Zumbi;
Trabalhadores na Luta Socialista (TLS);
Militantes independentes.

Movimento - Crítica, teoria e ação

Apresentação

Na quinta edição da Revista Movimento, trazemos ao público um especial sobre a crise brasileira. Nele, publicamos longa entrevista com o economista Plinio Sampaio Jr., que oferece instigante diagnóstico do fracasso da política econômica conduzida pelos governos do PT. Fecham a seção dois artigos sobre o poder das corporações no capitalismo global e a teia corrupta que estabelecem com Estados e governos. Um conjunto de artigos sobre a situação internacional aborda as dificuldades enfrentadas pelo governo Trump, a crise na Venezuela e o avanço das lutas no Peru.

Abaporu

Uma biografia inédita de Stalin escrita por Leon Trotsky Uma biografia inédita de Stalin escrita por Leon Trotsky

Leon Trotsky Joseph Stalin