Movimento Esquerda Socialista (MES/PSOL) MES MES: Movimento Esquerda Socialista

ANGOLA: Luaty Beirão termina greve de fome e promete continuar a luta

O ativista angolano decidiu terminar a greve de fome ao fim de 36 dias e numa carta dirigida aos companheiros de prisão diz esperar que “os responsáveis do nosso País também parem a sua greve humanitária e de justiça”.


Fonte: Esquerda.net

“De todos os modos, a máscara já caiu. A vitória já aconteceu”, afirma Luaty na sua carta divulgada esta terça-feira, destacando o movimento de solidariedade dentro e fora das fronteiras de Angola, “muito acima das nossas expetativas”.

“Não vou desistir de lutar, nem abandonar os meus companheiros e todas as pessoas que manifestaram tanto amor e me encheram o coração”, promete o rapper que será julgado a 16 de novembro com os seus companheiros presos preventivamente desde junho, por participarem numa reunião.

“Em Angola, somos todos necessários. Somos todos revolucionários. Foi assim que o nosso país nasceu, mas, desta vez, lutamos por uma verdadeira transformação social, em paz”, conclui Luaty Beirão, que estava internado desde 15 de outubro e com o estado de saúde a agravar-se devido à greve de fome agora interrompida.

Luaty Beirão será julgado dia 16 com os companheiros detidos desde junho, acusados de prepararem um golpe de estado.

O jornalista Rafael Marques, em visita à sede do Bloco de Esquerda em Portugal, distribuiu o texto da acusação pela qual serão julgados os 17 jovens que participaram num seminário de discussão sobre um livro de Domingos Cruz. Segundo a acusação, os jovens decidiram “lutar contra o dito ditador, destituir e substituir, por pessoas da conveniência do grupo, os titulares dos órgãos de soberania do Estado Angolano e lavrar uma nova Constituição”.

Para isso, acrescenta a acusação, pretendiam organizar “atos de arruaças acobertados por protestos e manifestações populares” nas ruas das cidades e junto aos órgãos de soberania, bem como “atos de desobediência civil e greves injustificadas”. A maior parte da acusação é uma lista dos vários cargos de órgãos de soberania que supostamente seriam preenchidos com nomes de opositores ao regime. Nessa lista que será apresentada como prova no julgamento, o cargo de Procurador Geral da República caberia ao rapper Luaty Beirão…

“Ao celebrarmos 40 anos de independência chegamos a este ponto em que estamos a lutar pelo direito de ler livros e discutir ideias pacíficas”, afirmou Rafael Marques aos jornalistas, exigindo a libertação imediata dos detidos.

“O julgamento será uma farsa, será um julgamento político e a decisão final cabe ao Presidente da República”, resumiu o jornalista, sublinhando que a legitimidade interna de Eduardo dos Santos “depende muito da sua imagem externa, que hoje está completamente desgastada com este caso”.

Movimento - Crítica, teoria e ação

Apresentação

Neste mês de março, preparamos uma nova edição da Revista Movimento, dedicada especialmente para a reflexão e elaboração política sobre a luta das mulheres. Selecionamos um conjunto de materiais – artigos teóricos, textos políticos, documentos e uma especial entrevista – com o intuito de aprofundar o esforço consciente demonstrado por nossa organização nos últimos anos em avançar na compreensão sobre o tipo de feminismo que defendemos, bem como sobre o papel essencial e a importância estratégica que a luta feminista tem para a construção de um projeto anticapitalista. Um desafio exigido pela atual conjuntura, marcada pela ascensão de governos de extrema-direita no mundo, na qual o movimento feminista tem se apresentado como contraponto e trincheira de resistência fundamental. Por isso, esta edição pretende, antes de mais nada, auxiliar e fortalecer nossas intervenções feministas nesse momento, a começar por duas datas muito significativas que inauguram este mês: o 8 e o 14 de março, dia em que se completará um ano do brutal assassinato de nossa companheira Marielle Franco. Esperamos que seja proveitoso e sirva como instrumento para as nossas batalhas. Boa leitura!

Solzinho